Naming, Marte e selfies robóticos da Nasa

Naming, Marte e o selfie robótico
Um robô em Marte, um selfie e um nome que mostra mais do que podemos ver.
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin
Share on twitter
Share on facebook

Um projeto de naming bem executado e que muita gente nem percebe, mas que certamente traduz tudo o que você deveria sentir em relação a este produto. Esse é o Curiosity. Sextou em Marte, but first, let me take a selfie.

Curiosity, da Nasa, e o selfie em Marte

A foto não é exatamente a primeira selfie robótica interplanetária da história, mas vem de quem realmente manja do assunto.

O Curiosity, o robô da NASA feito para explorar a cratera Gale, lá em Marte, aterrissou em solo marciano em 2012 depois de uma viagem de 560 milhões de km. Uma distância de quase 14 mil voltas ao redor da Terra. Desde então, vem fazendo ciência (e selfies) em solo extraterrestre.

A intenção, lá em 2012, era que o ancestral do Wall-E estudasse o clima de Marte durante dois anos. A missão foi estendida por tempo indeterminado e o robô continua operacional até hoje, sete anos depois de sua partida.

Sete anos de solidão. Faz sentido começar a fazer selfies. Mas o que a gente queria falar do Curiosity é: que nome lindo!

Mas porque o nome de um robô importa?

Um projeto de naming/branding que consegue comunicar o real propósito do “produto” de forma simples e simpática.

Em um projeto de branding, primeiro é definido qual será a plataforma da marca ou produto, onde ele se sustentará: valores, propósitos, promessas, posicionamento e personalidade. Em seguida, busca-se traduzir tudo aquilo em uma representação humana, definindo seu arquétipo.

O arquétipo vai ajudar a fazer com que uma marca se conecte com seu público de maneira mais fácil. E nada mais natural para uma pessoa se conectar a outra pessoa. Por isso, no caso da Curiosity, esse trabalho fica muito claro.

Porque, no fim das contas, curiosidade é o que move a transformação e a inovação.

Ah! E pra galera conspiratória do “mas é fake, falta o pau de selfie”, dá uma olhada no perfil da @nasajpl que explica como os selfies da Curiosity são feitos e muitas outras coisas incríveis.

Escrito por: